quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Despertando em Si


A vida me parece 
bem mais ampla
quando vista 
através dos meus sonhos
e andanças.

Ninguém me tira 
o conteúdo adulto,
o lado criança
e a fé que deposito
em cada necessária mudança. 

Aprendi que 
o pessimismo cansa
e o otimismo
faz valer em mim
toda e qualquer esperança. 

A vida se faz maior
para quem tem a capacidade
de traçar objetivos
e alcançar os milagres
que nos são oferecidos,
despertando em si
o verdadeiro sentido. 

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Enxergar a Vida

Enxergar a vida
É confessar a si mesmo
que existe sempre
uma saída e um ponto de partida.

É se ver diariamente
na natureza e no pulsar do outro
como se fossemos apenas uma partícula
da célula do mundo e um todo
no sagrado universo profundo.

Enxergar a vida
É se dar a chance de fazer de novo
perdoar pela certeza de que somos um povo
e entender que a unicidade faz parte do caminho,
mas a sociedade ajuda a compor o nosso próprio andar.

É ser feliz por aprendizado,
na simplicidade do respirar 
ao mais complexo celebrar
com criadores do sublime olhar
que se aprimora no fazer e no contemplar. 

Enxergar a vida
É se libertar das barreiras conceituais
e mergulhar nas possibilidades atuais
com a certeza de que nos é capaz,
construirmos o destino num percurso de paz. 

É erguer a mais suada bandeira
com a consciência de que a ação verdadeira
é que forma uma pessoa inteira
e subindo ou descendo a ladeira
a passagem jamais será uma estrada corriqueira.

Enxergar a vida
É ler no muro do intimo horizonte
que temos a sensibilidade de unirmos pontes,
recriando uma visão mais ampla
além de nós e do topo do monte.


segunda-feira, 30 de julho de 2012

O Trilho



Chega uma hora que nada mais importa,
Como se o trilho encontrasse o trem
E os vagões fossem separados apenas por destinos,
Sem culpa, desprovidos de desculpas.

Nenhum caminho é o certo ou o errado,
O tempo foi bem aproveitado
e o adeus é apenas uma nova estrada
Que conduz a gente para nossa individual jornada.


quarta-feira, 25 de julho de 2012

Meu amor



Eu me perdi no tempo,
Esqueci de mim por um momento
Senti a plena força de um leve contentamento
Quando cruzei com seu olhar,
me puz a novos sonhos recomeçar.
Entreguei me por inteira ao segundo daquele instante,
Como se o mundo não fosse mais adiante
E não houvesse nada além de nós dois.
Se você for pra mim, eu tenho sorte,
Vou agradecer cada dia até a minha morte
Por ter sido abençoada por esse sentimento divino,
Esse presente continuo,
Que transformou a minha simples canção num hino.
Tudo por conta de você
Que ao meu lado vai ser o que tiver de ser,
Fica comigo, que a felicidade eu te ensino,
Meu amor, meu homem e meu eterno menino. 

terça-feira, 10 de julho de 2012

Meu Convite



Para aqueles que não foram comigo até o fim,
aqueles que não tiveram coragem de começar,
temeram me ter e não conseguiram me aceitar,
que a tranqüilidade chegue como uma brisa
e meu sorriso se afaste com o vento
dos novos momentos.

Para aqueles que tiveram duvidas ao meu lado,
não apreciaram as minhas idéias a ponto de entreter-las,
não compraram minhas brigas e perdoaram meus erros
que o desconhecido lhe traga um outro apertar no peito,
e se desfaça em você o meu jeito
seguindo seus passos para um suave leito.

Para aqueles que tentaram, se esforçaram e comigo caminharam,
certamente chegamos aonde íamos e terminamos por tempo determinado.
Nada ficou triste, nem desacertado nosso tempo era contato
espero ter bem te tratado e muito te ensinado,
só me resta um obrigado.

E para aquele único que estiver comigo até o fim,
esse sim, vai ter tudo de mim e ver borboletas em letras,
musica no silêncio, arco-ires de alegria, dias transformados em poesias,
liberdade de verdade, a metamorfose das minhas idades
felicidade em forma de fraternidade,
amor de noite e de dia sem limite
com tudo que a alma permite
e na vida apaixonada existe.
Esse é o meu convite.

quarta-feira, 6 de junho de 2012

My own Move



I improve,
Because I make my own move.
I risk my self,
Without a fear,
Ready enough.
I just don’t wanna take off.
I try, I cry,
I catch up, I loose,
But nobody abuse.
I am strong,
I read my own song,
Write what I have in my heart,
In that way I create my art.
I am not perfect,
Sometimes I am my best,
When the other side rests.
Authentic in all
Is painted in my wall.
Sensible, honest
And capable
In front of anyone.
So that is me.
Always improve,
Because I make my own move.

(Sabrina Mata)


quinta-feira, 10 de maio de 2012

Cuidado Pessoal



Para manter um corpo em forma não é preciso viver na academia isso é lenda ou coisa de quem não entende nada sobre cuidado pessoal. É necessário disciplina, constancia e determinação no treino e na alimentação, cada um com seu exercício o lance é se movimentar com regularidade e comer frutas, vegetais, proteínas, carboidratos controlados, beber muita agua e levar essa rotina na fé como num trabalho, estudo ou na igreja, o qual o resultado da prática depende do nosso próprio desempenho e compromisso. Doce e fritura, final de semana até vale se você está em dia com a sua consciência, afinal estamos aqui pra viver e não para estar sempre em abistinência, só quem compete ou está num objetivo específico se priva o tempo todo. Assim eu venho aprendendo, assim eu ensino, assim eu compartilho e quebro com muito orgulho o paradigma estereotipado de que um corpo bem esculpido é sinonimo de um cerebro comprimido ou que para ser inteligente não dá para estar em forma. Tudo na vida é uma questão de equilibrio e força de vontade, o resto é qualquer coisa ignorante inventada por uma parcela de gente que culpa o mundo de tudo que não consegue fazer por si mesmo. O amor-próprio começa no cuidado pessoal que valoriza o sentido amplo da nossa existência, da crença ao templo o caminho deve ser composto por organização, dedicação, persitência e muita paciência.



quarta-feira, 9 de maio de 2012

Desde Cedo



Desde cedo aprendi
Que o valor da existência
Está nas possibilidades
E criatividade de cada um.
Por isso opto pelo risco,
Consciênte de que 
O certo e o errado,
em minha vida
Só eu poderei julgar.
Espero sim, 
Um dia apenas aceitar,
Quem sabe madura
Não mais me jogar.
Fazer do que tenho 
o melhor momento
transformar minha alegria 
no meu sustento.
Olhar para trás
E sentir a força do contentamento.
Pois sigo com simplicidade
E da liberdade
Faço minha felicidade.


quinta-feira, 3 de maio de 2012

Que eu Quero



Que um dia eu quero ser do tamanho
dos pensamentos que me invadem a mente.
Que eu quero correr pela chuva
e beber as lágrimas do céu.
Que eu quero amar sem receio de ser rejeitada,
apenas fluir no que pulsa.
Que eu quero aproveitar a festa
até o sol me mandar embora
e dançar o quanto o meu corpo agüentar.
Que eu quero voar nem que seja de olhos fechados,
dentro dos meus sonhos mais íntimos.
Que meus castelos e tesouros não desvalorizem
a sombra da árvore que frutifica no meu jardim.
Que eu aproveite o começo,
sem o medo de que um dia chegue ao fim.
Que os diamantes não cristalizem
a pureza dos sentimentos.
Que a dor tenha um tempo curto,
pois os segundos de felicidades
são muito mais importantes pra mim.
Que eu quero beijar vendo os horizontes imperfeitos,
daquele que eu escolhi para comigo seguir.
Que eu quero andar de meia em dia frio
e descalça nos dias ensolarados.
Que eu quero comer aquilo que me nutre por inteira,
ser a imagem dos alimentos que eu cativo na vida.
Que eu quero fazer tudo de uma vez,
como se o amanhã fosse um constante talvez.
Que eu quero ser verdadeira mesmo ferindo,
por não ser exemplo, mas por ser eu mesma.
Que eu quero cuidar por vontade de ver um mundo melhor
dentro de casa, prosperando do lado de fora
da janela do meu quarto.
Que eu quero que Los Angeles conserve os anjos
Que iluminaram o meu destino e que o Rio de Janeiro
Seja o berço das minhas maravilhosas memórias.
Que essa ânsia em produzir,
se transforme em obra de arte por ai.
Que o lado maternal que eu carrego e preservo,
se aplique no futuro das ações dos discípulos
que me foram encarregados nesse plano contemporâneo.
Que eu seja o erro e o acerto,
da mudança necessária, sem represarias. 
Que eu quero seguir destemida, atrevida
e com aquela sensação de liberdade plena
por ser uma pessoa serena.
Que eu quero chorar de tristeza e alegria,
como se minha passagem fosse feita de poesia.
Que eu quero provar o que nem sempre os outros consentem,
mas a minha alma clama e meu desejo é latente.
Que eu quero escrever a minha história em cores fortes,
para que os sonhos apenas descansem
na hora deu ir de encontro a inevitável morte.


Sabrina Mata

segunda-feira, 30 de abril de 2012

A alma feminina



A alma feminina é um hábitat complexo, sensível e cheio de mistérios intuitivos.
Carrega o medo do não ser e leva em si a coragem do bem querer.
Ela domina, cria, incentiva e acredita no amor, mesmo cicatrizando sua própria dor.
Porque a alma feminina é forte, compreensiva, intensa e extensa.
Traz em si uma maternidade natural, um olhar carinhoso e um conforto gostoso.
Ela supera, espera e prospera nos frutos dos seus desejos mais sigilosos.
A alma feminina não quer ser desvendada, por isso se apresenta eclética, 
cética e mística ao mesmo tempo. Lunática!
Senhora de si e órfã abandonada no convento. Pecadora e pura na mesma mistura.
Há quem a confunda com sábia, louca ou insegura; por desmedida e compensada postura.
A alma feminina abriga, embriaga e conduz tudo o que recebe em luz,
assim o desenrolar de mim se reproduz, num dispersar de versos
entre ficções, mitos e ares confessos de uma instabilidade de menina
e uma certeza de mulher, que mesmo ao encontro de suas próprias respostas já sabe o que quer e não descarta por nada a sua inabalável fé, por ser simplismente o que é.  

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Adentrar mundos Diferentes

Eu nunca consegui ser sozinha, nem mesmo nas minhas palavras e pensamentos, por isso me sinto feliz ao ver meus insights, textos e poesias compartilhados. É como se através dos versos eu alcançasse a verdade dos outros e me sentisse completa na minha própria missão. Amo estar próxima da alma das pessoas, cresci numa bagunça de gente, familia grande, amigos de toda parte; sou profunda demais para uma longa solidão, me isolo quando quero apenas curtir minha própria companhia ou ouvir o que vem do meu coração sem intervenção ou secundária opinião. Adoro adentrar mundos diferentes e ser util para todo e qualquer tipo de gente; nasci assim com muito amor dentro de mim. 



terça-feira, 24 de abril de 2012

Nossa própria Transformação


As pessoas estão querendo mudanças mas se esquecem que o esforço inicial começa dentro da nossa própria transformação, para em fim tornarmos tudo diferente a nossa volta, infuênciando os que nos rodeiam e atraindo novas possibilidades que antes eram obscuras por conta da inércia estática que se encontrava a nossa vida. Um movimento, pode mudar tudo a todo e qualquer momento.  Abra a janela da alma e sinta o frescor do vento!  

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Retalho de Adaptações


Que eu já quiz ser tanta coisa, já me atirei em trabalhos inimagináveis, profissões respeitáveis, oportunidades invejáveis... hoje em dia eu só quero ser eu mesma, dispenso títulos e créditos pela minha realização pessoal e descarto elogios e promoções por superações que aprimorizem a minha evolução espiritual. O resto gira com o mundo, vontades vão e vem, pessoas ficam enquanto outras partem, situações revelam e expelem, algumas coisas crescem ou desaparecem... os ciclos são partes de nós que se intensificam ou modificam com o sabor do tempo, fazendo um retalho de adaptações dos nossos difíceis e inesquecíveis momentos.  

Vencer na Vida

Vencer na vida é superar a si próprio, realizar o que nós propomos a fazer e percorrer o caminho com a simplicidade de quem aprecia a estrada porque sabe aonde quer chegar. O resto é balela, sorte, destino ou qualquer coisa que foge do nosso tino. 


The Iron Lady

Algumas mulheres vieram com a missão de romper preceitos e fazer valer nossos direitos, eu admiro revolucionários que transformam idéias em atos e mudam os fatos da história através de um conceito social mais atualizado, de acordo com os novos tempos. A gente precisa de gente assim, para que as esperanças nunca cheguem ao fim ou sejam apenas sonhos dentro de mim.
 {{{Completamente inspirada por 
"The Iron Lady"}}}

Indico o filme protagonizado por Meryl Streep interpretando Margaret Thatcher

segunda-feira, 19 de março de 2012

No luxo e no lixo



Eu gosto de pessoas que vão 
do luxo ao lixo ou do lixo ao luxo,
com mesmo sorriso estampado no rosto,
a habitual tranqüilidade vibracional
e o amor simples e fraternal,
que todo ser humano
carrega;
mesmo sem fazer 
usual.

Porque assim como metade de mim é carnal,
a outra é sentimento e o todo é humano,
na integra de uma alma evolutiva,
aberta a expansão do mundo.
Eu também quero
conhecer;
e viver o prazer no seu âmago
mais profundo. 

Entender o meu ter e o meu ser,
de forma intercalada, como quem 
aprecia o que têm
e sabe o que é
diante da
vida. 

quarta-feira, 14 de março de 2012

Tenha Coragem

video


“Eu não tenho medo, o que eu tenho é uma sede insaciável como se o oceano fosse apenas uma gota perto dos meus sonhos e desejos. O mar ficou pequeno pra mim desde que resolvi libertar meus pensamentos; os lagos já não refletem mais a veracidade dos filmes antigos e os rios se foram, exatamente como diziam nas fábulas. A vida é um grande quadro colorido e o amor nunca pode passar despercebido, porque assim como o tempo é sagrado nos cabe tornar cada momento abençoado. Ouse ser, fazer e ter tudo que te eleva a crer. Tenha coragem por mais que o mundo lhe pareça difícil, nos que construímos nossas portas e edifícios; e há sempre uma janela de fundo para quem se permite tentar, o céu permanece estrelado se você seguir com fé. O futuro é a maior incógnita humana, o passado uma parte de nós e o presente uma verdade veloz. Aceite a graça, afaste o pessimismo e siga com firmeza na luz da sua própria natureza. E eu continuo sem medo, com o infinito almejo de que o hoje me pareça cedo para que o amanhã não seja possível esgotar”.


Sabrina Mata 

terça-feira, 6 de março de 2012

A Better Person



You make me feel a better person
That is the way that love is.
We don’t have to expect
We don’t have to look for
It’s exactly what it is.
Strongly that you try
Flowing that you fly.
You make me feel a better person
And that is all.
Anything is going to change
Everything is clear
Between you and me, my dear.
Growing deep,
Your body and mine fit.
We talk with our mind,
And your smell is always in my side.
You put happiness inside,
And love shine on our aura.
The only one that I saw,
Is the one that I got.
Something happened in my soul.
You make me feel a better person,
And that is all that I know.
   

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Mais uma Missão



Que eu caminhe até a ponta das minhas esperanças
e que mesmo cansada
eu não perca o olhar puro de criança,
que ainda carrego
em prol das melhorias do mundo, 
diante dessa atribulada andança.

Que eu consiga compartilhar minha fé,
mesmo sabendo
que o mundo as vezes é triste
e que os homens destroem 
o que aqui dentro consiste.
O bem em mim existe
e isso me basta
para entender que alguns buscam
como eu e outros se afastam da luz
por conta própria.

Que eu seja amor onde quer que eu esteja,
pois assim o mal não me deseja
e corre em correntezas opostas
a todas as minhas lutas 
e as minhas apostas.

Eu não tenho o poder
de salvar a evolução de ninguém,
mas tenho a obrigação
de ajudar o progresso
de todos e qualquer irmão.
Assim programou o meu coração,
antes de iniciar mais 
uma missão. 


quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Boas Meninas



A Brida me inspira.
Tem seu próprio jeito,
Pensamento, opinião
Uma mistura minha,
Com outras informações.
Fruto de outra geração.
Divertida criação,
Criança, puro coração.
Espontaneidade incentivada,
Sensibilidade aflorada,
Engraçado...
Ela é espiritualizada.
Canceriana,
Alma que me fascina
Me trava, me lança,
Olhar de esperança.
Brida me irrita, imita
Depende de mim,
Reclama, chora
Me chama a toda hora.
Mas ama e admira
A mãe que tem.
Faz me sentir bem.
Se vira sozinha,
Pequena princesinha.
É fonte de minha coragem,
Razão de grande felicidade,
Filha e mãe, mãe e filha
Sabrina e Brida, Brida e Sabrina
Duas amigas,
boas meninas.

(Fase de Transição - Expressões Poéticas)

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Manto Sagrado



As vezes a vida me parece um grande manto de crochê.
Onde as linhas vão se cruzando e nós anavalhando ponto por ponto,
para uma criação harmônica e proveitosa.
Como se cada detalhe fizesse uma grande diferença na composição
da forma e das cores inseridas desde o ponto de parida; e uma desatenção ou
escolha errada pudesse comprometer o desenvolvimento 
e a finalização da obra. 
Sim, algumas coisas são bem delicadas,
outras requerem prática para deixarem de ser complicadas,
mas é na dedicação e no amor em realizar algo grandioso
no percurso de nossos caminhos 
que tornamos esse manto sagrado,
numa experiência excêntrica e sintonizada com o destino, 
por evolução e excelência em nosso próprio tino.