sexta-feira, 6 de maio de 2011

Sou Guerreira


Eu quero acreditar em mim
independente do que os outros pensam
ou esperam ao me ver.
Eu quero ser a semente 
dos meus próprios frutos,
a força da vontade de dar certo
e a vitória dos meu combates pessoais.
Eu quero fazer diferença
no mundo, no país, no estado, no bairro
ou em casa; onde for 
serei a melhor de mim mesma.
Eu quero possibilitar,
dar chance, construir oportunidades
e acontecer na luta pela verdade.
Porque eu sou guerreira,
enfrento bem uma segunda-feira,
não tenho medo de falhar,
não preciso da aprovação de ninguém
e estou nessa vida para me aperfeiçoar. 
Disposta a servir, plantando o bem
desde sempre eu já sou alguém
e sigo em paz com minha consciência,
sem deixar passar nenhuma coincidência.
Minha estrada é longa,
mas não conto com amanhã,
pois prospero no hoje o futuro evolutivo
de uma passagem incerta e agradável, 
para aqueles que valorizam 
suas individuais descobertas.

5 comentários:

  1. Muito bom, Sabrina. Poema realmente cheio de 'descobertas'!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Marcos!
    Estou finalizando aquele curso em LA, semana que vem faço contato.

    LUZ.

    ResponderExcluir
  3. O que eu acho mais interessante em seus textos é a sua grandeza espiritual e pessoal. Por isso me identifico muito. Você conhece a ti mesma, por isso seus versos são sempre engrandecedores.

    www.meu-lar1.blogspot.com
    www.maisquelimao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Com certeza a sua identificação vem da mesma grandeza e busca pessoal.

    Força sempre Camilla!!

    ResponderExcluir
  5. poesia direta e precisa sem deixar de ser poesia...

    ResponderExcluir

É muito bom compartilhar idéias e pensamentos com vocês.

Obrigada!