segunda-feira, 7 de março de 2011

Meu nome é Mulher


Eu era a Eva 
Criada para a felicidade de Adão
Mais tarde fui Maria
Dando à luz aquele
Que traria a salvação
Mas isso não bastaria
Para eu encontrar perdão.
Passei a ser Amélia
A mulher de verdade
Para a sociedade
Não tinha a menor vaidade
Mas sonhava com a igualdade.
Muito tempo depois decidi:
Não dá mais!
Quero minha dignidade
Tenho meus ideais!
Hoje não sou só esposa ou filha
Sou pai, mãe, arrimo de família
Sou caminhoneira, taxista,
Piloto de avião, policial feminina,
Operária em construção...
Ao mundo peço licença
Para atuar onde quiser
Meu sobrenome é COMPETÊNCIA
E meu nome é MULHER.



Irene Monteiro Pena

10 comentários:

  1. QUANTA HONRRA,ESTAR JUNTO A VOCÊ,NO
    SEU,[BLOG],GRATA SABRÍNA .IRENE

    ResponderExcluir
  2. Obrigada você... me encantei com sua poesia e ousadia!!

    ResponderExcluir
  3. MEU NOME É MULHER

    No princípio eu era Eva
    Nascida para a felicidade de Adão
    E meu paraíso tornou-se trevas
    Porque ousei libertação!

    Mais tarde fui Maria
    Meu pecado remiria
    Dando à luz Aquele
    Que traria a salvação!
    Mas isso não bastaria
    Para eu encontrar perdão!

    Passei a ser Amélia
    “A mulher de verdade”
    Para a sociedade!
    Não tinha a menor vaidade
    Mas sonhava com igualdade!

    Muito tempo depois
    Decidi: “Não dá mais!
    Quero minha dignidade,
    Tenho meus ideais!”
    Mas o preconceito atroz
    Meus 129 nomes queimou
    Então o mundo acordou
    Diante da chama lilás!

    Hoje não sou só esposa ou filha;
    Sou pai, mãe, arrimo de família;
    Sou ourives, taxista, piloto de avião,
    Policial feminina, operária em construção!
    Ao mundo peço licença
    Para atuar onde quiser!
    Meu sobrenome é Competência
    O meu nome é Mulher!

    Autora: PÉROLA NEGGRA
    FÁTIMA APARECIDA SANTOS DE SOUZA
    POLICIAL MILITAR EM MAUÁ/SP/BRASIL
    fatimaperolaneggra@hotmail.com
    55 11 8697-7739

    ResponderExcluir
  4. P.S. Poema com Direitos Autorais reservados pela Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro. Autorizo divulgação sem cortes e com créditos à autora. Grata pela compreensão

    ResponderExcluir
  5. YOU TUBE;;;TEM A MINHA VERSÃO;;ABRA -A ABAIXO DESDE 2007
    [IRENE]

    http://www.youtube.com/watch?v=wdQ2wNISHzI

    ResponderExcluir
  6. YOU TUBE ,DIVULGA MUITOS VÍDEOS SEMPRE C/ A MINHA VERSÃO;;ABRA ,ABAIXO;;; [IRENE]

    http://www.youtube.com/watch?v=rzknZGFj_1c

    ResponderExcluir
  7. ESTE EU DESCONHECÍA ;;E OUTRA COISAS A MAIS NO ÍNICIO;;;;; [IRENE]

    Muito tempo depois
    Decidi: “Não dá mais!
    Quero minha dignidade,
    Tenho meus ideais!”
    Mas o preconceito atroz
    Meus 129 nomes queimou
    Então o mundo acordou
    Diante da chama lilás!

    ResponderExcluir
  8. Mais uma vez eu peço: excluam do blog a "versão modificada" do poema de minha autoria "MEU NOME É MULHER".Demais veículos de comunicação - youtube inclusive - estão sendo também orientados a tirar de circulação a versão modificada e divulgarem somente o original com créditos à autora verdadeira. O descumprimento da solicitação poderá resultar em medidas legais por crime de violação de direitos autorais. Grata pela compreensão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ACABEI DE VER O POEMA CITADO COMO AUTOR DESCONHECIDO, COMO FAÇO SEMPRE FIZ VARREDURA E ENCONTREI PEROLA NEGRA, É ESSE O NOME DA AUTOIRA?Ou Irene?Eu vejo site como este de uma poetisa usando obra de outroautor sem citar o nome do autor.
      para eu corrigir quem coloou autor desconhecido e outra sem autor,

      Excluir
  9. Gente, por favor, mais respeito com a autora FÁTIMA APARECIDA SANTOS DE SOUZA- Pérola Negra.

    ResponderExcluir

É muito bom compartilhar idéias e pensamentos com vocês.

Obrigada!