quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Beijos e desejos


Beijos que lambusam
como chocolate,
aquecem como gole de conhaque.
Exótica sensação,
escorregar no seu corpo.
Que desejo louco.
Me entorpece aos poucos.
Esse cheiro afrodisíaco,
esqueço de mim e dos outros.
Não há paz,
você me transsatisfaz.
Quero muitas vezes mais.
Água na boca dos imortais.


terça-feira, 25 de agosto de 2009

Uns vão e outros veêm...


Uns vão e outros veêm.
Assim é o ciclo da vida,
partidas e chegadas,
recomeços, bifurcações
nostalgia e decisões.
Uns vão e outros veêm.
Aproveite a companhia,
desfrute de momentos
e parcerias.
Agarre a alegria,
dispense rápido qualquer tristeza.
Se contente com você mesmo,
antes de exigir dos outros.
E não esqueça...
Uns vão e outros veêm.
O que vale é cultivar o bem
e curtir quem se tem.


quarta-feira, 19 de agosto de 2009


"De que vale o tempo
que faz-se vento.
Prefiro a beleza
deste momento,
paz assim, contemplo."


quinta-feira, 13 de agosto de 2009

É difícil perder...


"É difícil perder
O pai, a mãe, o filho,
um ente querido.
Um amor antigo,
a amizade de um grande amigo.
É difícil perder
O jogo,
a reunião,
a aposta, o trem
ou a carona de alguém.
É difícil perder
o que se conquistou,
a resposta esperada,
a oportunidade desejada,
pertences pela estrada.
É difícil perder
não que estamos todos a vencer,
mas toda a perda faz sofrer.
E por mais difícil que pareça
ninguém morre de perda,
mas muitos sobrevivem de esperança.
O apego é um atraso.
É dificil perder,
mas viemos para evoluir
e não para ter de uma forma possessiva.
Aproveitar, apreciar e desfrutar
de tudo e de todos
enquanto esse é nosso lugar.
É difícil perder,
nunca é tarde pra lutar,
se permita sonhar,
não tenha medo de amar
e deixe a vida levar
o que não cabe mais estar."




quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Saudade...

Saudade

Que maldade

Me cala e me arde

Alucina,

Saudade.

Agônia e ansiedade

Enlouquece,

Saudade.

Desejo, almejo,

Que vontade

Saudade.


sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Ser, Estar


Dê uma chance

Ao novo

Sem apego moral

De que certas

coisas fazem mal.

Somos inconstantes

Para julgarmos

O bom o bastante.

Devemos sentir

para viver

e se abrir

para em fim evoluir.

Crescer sem medo

De arriscar

Mas ciente

Da inocência preservar.

A magia do encontro

Está na pureza do ser,

Estar.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Blog...


"Palavras que alfinetam
pessoas intocáveis.
Uma tela para o mundo,
ilusões ou soluções?
Apenas palavras digitadas,
fotos melhoradas
e sentimentos compartilhados.
Um caminho sem volta...
se enxergue nesse espelho virtual
e mergulhe profundo,
  nesse BLOG."